Bahia

Após discurso de Bolsonaro, Rui diz que não vai 'baixar a guarda' e pede união contra o coronavírus

"É momento da Bahia unida independente das suas preferências políticas, das suas crenças, dos credos", escreveu o governador

[Após discurso de Bolsonaro, Rui diz que não vai 'baixar a guarda' e pede união contra o coronavírus]
Foto : Fernando Vivas/GOVBA

Por Juliana Rodrigues no dia 25 de Março de 2020 ⋅ 09:12

O governador da Bahia, Rui Costa, se posicionou, hoje (25) pela manhã, após o presidente Jair Bolsonaro desestimular medidas gerais de restrição contra o coronavírus, em pronunciamento na noite de ontem (24).

Por meio das redes sociais, Rui reafirmou o compromisso de "não baixar a guarda" no combate à disseminação do vírus e pediu união para superar a "grave crise" causada pela pandemia. "É momento da Bahia unida independente das suas preferências políticas, das suas crenças, dos credos", escreveu.

Rui ainda se disse solidário aos estados do Nordeste e a todo o Brasil. "É uma guerra. Que Deus nos dê equilíbrio e força", afirmou.

Notícias relacionadas

[Bahia registra segunda morte por Covid-19]
Bahia

Bahia registra segunda morte por Covid-19

Por Luciana Freire no dia 30 de Março de 2020 ⋅ 19:25 em Bahia

O paciente de 64 anos estava internado na UTI do Hospital Aliança, em Salvador, desde terça-feira (17)