Brasil

Jornalista brasileiro é executado por pistoleiros na fronteira de MS com o Paraguai

Léo Veras era dono de um site policial que noticiava situações ligadas ao tráfico de drogas

[Jornalista brasileiro é executado por pistoleiros na fronteira de MS com o Paraguai]
Foto : Reprodução

Por Juliana Rodrigues no dia 13 de Fevereiro de 2020 ⋅ 09:40

O jornalista brasileiro Léo Veras foi executado por pistoleiros, ontem (12) à noite, na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, que faz fronteira com Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. A informação é do G1.

Léo era o dono de um site policial local que produzia notícias da região da fronteira em português e espanhol, e frequentemente noticiava situações ligadas ao tráfico de drogas. A polícia ainda não sabe se a execução tem relação com o tráfico.

Segundo a Polícia Nacional do Paraguai, Léo estava jantando com a família no quintal de sua casa, quando foi atingido por cerca de 12 tiros de pistola 9 milímetros. Um dos disparos acertou a cabeça dele. O jornalista chegou a ser socorrido e encaminhado a um hospital particular da cidade paraguaia, mas não resistiu.

Notícias relacionadas