Cidade

Amigos e familiares arrecadam R$ 2,5 mil para enterro de grafiteiro

Scank foi espancado e morto durante a madrugada de ontem, no Imbuí

[Amigos e familiares arrecadam R$ 2,5 mil para enterro de grafiteiro]
Foto : Reprodução

Por Juliana Rodrigues no dia 14 de Fevereiro de 2020 ⋅ 14:20

Um encontro promovido na noite de ontem (13) por amigos e familiares do grafiteiro Jaílson Galdino Souza dos Santos, 27 anos, o Scank, conseguiu arrecadar mais de R$ 2,5 mil para ajudar no custeio do velório e sepultamento do artista, que foi espancado e morto durante a madrugada de ontem, no Imbuí. O enterro está marcado para as 14h de hoje (14).

Em entrevista ao jornal Correio, a professora de antropologia da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e ex-sogra de Scank, Roca Alencar, afirmou que o valor arrecadado foi mais que suficiente para o enterro, que custou R$ 1,3 mil.

"Rolou o encontro ontem e conseguimos arrecadar R$ 2,5 mil e tem depósitos na minha conta que ainda vou tirar o extrato. Eu vou ver os depósitos agora pela manhã, mas acredito que tivemos boa arrecadação porque recebemos apoio de artistas de rua do Brasil inteiro", disse a professora.

Notícias relacionadas