Economia

Equipe de Guedes projeta retorno gradual da quarentena a partir de 7 de abril

A avaliação é que as medidas anticrise anunciadas até agora não são suficientes para suportar um período maior que esse de atividades completamente suspensas

[Equipe de Guedes projeta retorno gradual da quarentena a partir de 7 de abril]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Luciana Freire no dia 25 de Março de 2020 ⋅ 20:00

A equipe econômica trabalha com projeções que consideram um encerramento gradual da quarentena contra o coronavírus a partir do dia 7 de abril. A avaliação é que as medidas anticrise anunciadas até agora não são suficientes para suportar um período maior que esse de atividades completamente suspensas. A informação foi divulgada pelo jornal OGlobo que teve acesso a fontes que trabalham na elaboração dos cenários.

As medidas elaboradas até agora foram pensadas porque, mesmo após um eventual relaxamento da quarentena, as atividades voltariam a funcionar, em ritmo reduzido.

Em pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio exibido na noite de ontem (24), o presidente da República, Jair Bolsonaro, pediu a reabertura do comércio e das escolas e o fim do "confinamento em massa". A fala do presidente, na contramão das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), foi alvo de críticas por parte de especialistas, autoridades e congressistas. 

 

Notícias relacionadas

[Preços do petróleo sobem mais de 13% ]
Economia

Preços do petróleo sobem mais de 13%

Por Luciana Freire no dia 03 de Abril de 2020 ⋅ 21:30 em Economia

Alta corresponde a expectativa de que um acordo global para cortes de oferta da commodity possa surgir no início da semana que vem

[Dólar sobe e é vendido a R$ 5,26]
Economia

Dólar sobe e é vendido a R$ 5,26

Por Luciana Freire no dia 02 de Abril de 2020 ⋅ 21:00 em Economia

Ibovespa teve alta em sessão marcada pelos mercados globais do petróleo voláteis

[Bolsas da Europa fecham em queda]
Economia

Bolsas da Europa fecham em queda

Por Luciana Freire no dia 01 de Abril de 2020 ⋅ 17:40 em Economia

As ações de bancos estiveram entre os piores desempenhos, uma vez que suspenderam o pagamento de dividendos