Política

CPMI das Fake News vota plano de trabalho hoje

Além dos estudos e pareceres técnicos elaborados, a intenção é incluir ferramentas de consulta pública

[CPMI das Fake News vota plano de trabalho hoje]
Foto :Geraldo Magela/ Agência Senado

Por Juliana Almirante no dia 17 de Setembro de 2019 ⋅ 10:40

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News se reúne na manhã de hoje (17) para apreciar o plano de trabalho apresentado pela relatora Lídice da Mata (PSB-BA).

De acordo com a Agência Senado, o documento traz o cronograma da comissão até o fim de novembro, com audiências públicas com especialistas e autoridades, missões externas, sessões de debates e reuniões técnicas e administrativas. Entre as pessoas que devem ser ouvidas, estão o representante do Twitter.

Além dos estudos e pareceres técnicos elaborados, a intenção é incluir ferramentas de consulta pública.

“Busca-se uma CPI técnica, que seja capaz de apurar responsabilidades e, mais que isso, de apresentar sugestões concretas para o aperfeiçoamento da legislação e das políticas públicas. Com isso, realizaremos uma das funções mais importante do Congresso Nacional, que é a fiscalizadora”, justificou Lídice.

A comissão é presidida pelo senador Angelo Coronel (PSD-BA), que chegou a relatar ameaças de morte depois de ficar à frente do colegiado.

A CPMI foi instalada no último dia 4 e é composta por 16 senadores, 16 deputados e igual número de suplentes. Os parlamentares do colegiado terão 180 dias para investigar as notícias falsas e a possível influência no processo eleitoral.

Notícias relacionadas

[PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido]
Política

PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido

Por Metro1 no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 18:44 em Política

Sigla destaca que é a única com 98% de votações favoráveis ao governo federal e que não compactua com eventuais desgastes