Política

Kátia Abreu pede remoção de Dallagnol da chefia da Lava Jato

Senadora diz que quer resguardar "as condições de atuação minimamente isenta do Ministério Público enquanto instituição”

[Kátia Abreu pede remoção de Dallagnol da chefia da Lava Jato]
Foto : Moreira Mariz/ Agência Senado

Por Juliana Almirante no dia 09 de Outubro de 2019 ⋅ 18:00

A senadora Kátia Abreu (PDT-TO) protocolou no Conselho Nacional do Ministério Público um pedido de remoção do procurador Deltan Dallagnol da coordenação da força-tarefa de Curitiba, de acordo com a coluna Painel, da Folha.

A parlamentar alega agir para proteger a Lava Jato e explora o revés imposto pelo Supremo ao procurador, com a proibição de um fundo da Lava Jato com dinheiro recuperado da Petrobras. Ela também usa como argumento os questionamentos à remuneração obtida por Deltan, ao longo da operação, com a realização de palestras.

Kátia pede que o coordernador da força-tarefa seja alvo de uma “remoção por interesse público”, a fim de resguardar "as condições de atuação minimamente isenta do Ministério Público enquanto instituição”.

“Cumpre desde logo esclarecer que o presente pedido de remoção por interesse público não representa um ato de hostilidade à operação Lava Jato, mas sim uma medida que busca atender ao interesse público e conferir credibilidade à persecução penal conduzida pela força-tarefa”, afirma a representação.

A representação de Kátia Abreu lista ainda as mais de 15 representações das quais Deltan é alvo no CNMP, no entanto, não cita as mensagens reveladas pelo The Intercept Brasil, mas

Notícias relacionadas

[PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido]
Política

PSL pede entendimento de Bolsonaro com o partido

Por Metro1 no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 18:44 em Política

Sigla destaca que é a única com 98% de votações favoráveis ao governo federal e que não compactua com eventuais desgastes