Política

Decisão de Trump reflete tensão em mercado internacional, diz Mourão

Vice-presidente reforçou que o governo brasileiro não está desvalorizando a moeda de forma artificial

[Decisão de Trump reflete tensão em mercado internacional, diz Mourão]
Foto : Rovena Rosa/Agência Brasil

Por Catarina Lopes no dia 02 de Dezembro de 2019 ⋅ 19:30

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, declarou hoje (2) que a reação de do presidente americano Donald Trump é devido à tensão do mercado internacional, possivelmente causada pelo protecionismo do país em relações comerciais com a China, já que o governo brasileiro não está desvalorizando sua moeda artificialmente, como Trump acusou.

"Hoje mesmo tivemos no começo da manhã o presidente Trump dizendo que aumentará as tarifas do aço e do alumínio do Brasil e Argentina, porque estamos desvalorizando artificialmente nossas moedas. Não é isso que está acontecendo. Isso é característica dessa tensão geopolítica que nós estamos vivendo, que gera protecionismo. É um movimento anticíclico em relação à globalização", declarou Mourão.

E o vice-presidente também afirmou que a disputa entre China e EUA abre oportunidades para o Brasil."Daí esse choque entre EUA e China que é tecnológico, comercial, mas também é uma disputa de poder. A ascensão da China abriu oportunidades para países como o nosso, tanto dinamizando nossas exportações quanto no que se refere ao fomento do desenvolvimento científico, tecnológico e financiamento de infraestrutura", disse.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro quer iniciar 2020 com reforma ministerial]
Política

Bolsonaro quer iniciar 2020 com reforma ministerial

Por Juliana Rodrigues no dia 14 de Dezembro de 2019 ⋅ 14:28 em Política

Titulares das pastas da Educação, Casa Civil e Minas e Energia devem ser substituídos, segundo interlocutores do governo