Política

Bolsonaro acaba com entrevistas de Mandetta e Planalto vai concentrar informações sobre coronavírus

Agora, os anúncios do governo federal, inclusive os da área da saúde, devem ser concentrados no Palácio do Planalto

[Bolsonaro acaba com entrevistas de Mandetta e Planalto vai concentrar informações sobre coronavírus]
Foto : Agência Brasil

Por João Brandão no dia 30 de Março de 2020 ⋅ 17:52

O presidente Jair Bolsonaro decidiu acabar com as entrevistas coletivas concedidas diariamente pelo Ministério da Saúde, pasta que cuida do enfrentamento do novo coronavírus. De acordo com o jornal O Globo, o presidente está incomodado com o protagonismo do ministro Luiz Henrique Mandetta.

Agora, os anúncios do governo federal, inclusive os da área da saúde, devem ser concentrados no Palácio do Planalto, também como uma forma de transmitir a imagem de união entre saúde e economia preconizadas pelo presidente no combate à crise.

A Casa Civil e a Presidência da República encaminharam essa determinação para todos os ministérios, numa tentativa de "alinhar a narrativa" do governo federal em torno do tema. Por isso, a decisão foi de concentrar os anúncios na figura do presidente.

Notícias relacionadas