Política

Teich recusa convite para ser conselheiro do Ministério da Saúde

Ex-chefe da pasta disse que ‘não seria coerente’ assumir função após ter deixado o órgão na última semana

[Teich recusa convite para ser conselheiro do Ministério da Saúde]
Foto : Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Por Lara Curcino no dia 23 de Maio de 2020 ⋅ 15:00

O ex-ministro da Saúde Nelson Teich afirmou hoje (23) que recusou o convite recebido para ser conselheiro do ministério. O oncologista assumiu o cargo no lugar de Luiz Henrique Mandetta em abril, mas pediu demissão na última semana, antes de completar um mês no comando da pasta. 

Teich foi chamado pelo atual ministro interino, general Eduardo Pazuello, para ser conselheiro. A entrada de militares, entre os quais está o atual chefe do órgão, e a consequente exoneração de servidores de carreira da Saúde, teriam sido motivos para saída do médico do ministério. 

Por meio do Twitter, Teich explicou que recusou o convite porque “não seria coerente” ter deixado o Ministério da Saúde na semana passada e voltar à pasta agora.

Notícias relacionadas

[Abaixo-assinado ‘antiAras’ deve chegar ao Legislativo]
Política

Abaixo-assinado ‘antiAras’ deve chegar ao Legislativo

Por Alexandre Galvão no dia 03 de Junho de 2020 ⋅ 07:20 em Política

Chefe do Ministério Público no Brasil, Aras não integrou a lista tríplice de nomes sugeridos pela Associação Nacional dos Procuradores da República

[Alexandre de Moraes toma posse como ministro do TSE]
Política

Alexandre de Moraes toma posse como ministro do TSE

Por Luciana Freire no dia 02 de Junho de 2020 ⋅ 18:48 em Política

Autoridades participaram da cerimônia de posse por videoconferência, entre elas, o presidente Jair Bolsonaro; mandato no cargo é de dois anos