Política

'Moro, Valeixo sai esta semana', diz Bolsonaro em mensagem antes de reunião ministerial

Conversa foi extraída do celular do ex-ministro pela Polícia Federal; material contradiz a versão sustentada pelo presidente de que não tentou interferir na PF

['Moro, Valeixo sai esta semana', diz Bolsonaro em mensagem antes de reunião ministerial]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Luciana Freire no dia 24 de Maio de 2020 ⋅ 08:11

O presidente da República Jair Bolsonaro decidiu tirar Maurício Valeixo do comando da Polícia Federal e avisou ao então ministro da Justiça, Sergio Moro, horas antes da reunião ministerial realizada no dia 22 de abril. É o que apontam mensagens trocadas entre Bolsonaro e Moro no início daquele dia. A informação foi divulgada pelo jornal "O Estado de S. Paulo".

Mensagens contradizem a versão sustentada pelo presidente de que não tentou interferir na PF.

Em uma das mensagens, encaminhada a Moro às 6h26m de 22 de abril, no dia da reunião ministerial Bolsonaro informou pelo celular: “Moro, Valeixo sai esta semana”.“Está decidido”, disse o presidente, emendando com “Você pode dizer apenas a forma. A pedido ou ex oficio”.

Moro respondeu 11 minutos depois, às 6h37m. “Presidente, sobre esse assunto precisamos conversar pessoalmente. Estou ah disposição para tanto”.

Conversa foi extraída do celular do ex-ministro pela Polícia Federal no inquérito que apura a suposta interferência do presidente na PF.

 

Leia mais:

Otto, Vilas-Boas e Coronel foram vítimas de fake news divulgada por Bolsonaro a Moro 

Marco Aurélio Mello diz que fala de Weintraub sobre STF é 'imprópria'

Vídeo de reunião ministerial deve se tornar material para abertura de novas investigações

Notícias relacionadas